Exibir tudo

Drenagem Superficial

O que é drenagem superficial?
Para que serve drenagem superficial?
Essas perguntas são muito comuns…

O princípio da drenagem superficial é transportar a água, a milhares de anos a atrás, nosso ancestrais obtinham alimento diretamente a partir da natureza e começaram a adquirir técnicas para o plantio. Nesse tempo, a engenharia/hidráulica, não existia, os homens se deslocavam para encontrar a água. Desta forma foi criada a necessidade de transportar e futuramente reter a água, a partir desses acontecimentos nasceu o que chamamos hoje de Engenharia Hidráulica. Os primeiros registros de obras hidráulicas, são datados de 4.000 a 3.000 anos A.C no Egito, Iraque, Índia, Paquistão, Turquia e China (Roberson, Cassidy e Chaudhry, 1995).

Os canais construídos para agricultura e navegação foram um marco da evolução humana, durante esse período desenvolveram-se algumas técnicas que viabilizaram apensas obras simples. Não existia normatização, registros e desenvolvimento cientifico, em suma, havia “técnica” e não “engenharia”.

Nos dias de hoje, a Engenharia Hidráulica é regida pela Mecânica dos Fluidos, é a ferramenta para a realização de obra relacionadas à captação, armazenamento, distribuição e controle da água.

A drenagem superficial na área da construção civil, está muito ligada à construção de estradas e ruas. Para entrar no âmbito da drenagem superficial em rodovias, temos que entender os efeitos da água derivada da chuva em obras em andamento e em estradas/ruas já finalizadas. A presença de água livre, seja por infiltração de chuvas, percolação ou ainda por ascensão capilar, tem levado um grande número de insucessos e de rupturas prematuras de pavimentos. A ação da água pode causar instabilidade nos aterros, erosão de taludes, entupimento de bueiros, destruição do pavimento pela pressão.

Para evitar essa situação, é necessário retirar rapidamente toda a água que cai e escoa sobre a plataforma viária por meio de implantação de um sistema de drenagem superficial, constituído de caimentos transversais e longitudinais favoráveis a instalação de valetas, sarjetas, canaletas e dispositivos de captação para transportar a água a um local seguro de deságue.

Em um cenário como o Brasil, onde as estradas têm um fluxo pesado e intenso de veículos, tem-se constatado que a drenagem superficial é um dos principais fatores para um bom desempenho de um aterro ou pavimento, essa proteção é indispensável para que a vida útil do projeto seja alcançada.

 
 

Ajuda? Chat via WhatsApp